quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Ser humano na geração emoção.

Não há como.

Sem comentários:

Enviar um comentário